• Fashionsumerism

    By my Hands Fashion

    Vocês já conhecem a marca de moda By My Hands? O nome surgiu de uma necessidade muito grande de fazer moda autoral pela designer e também Fashion Lawyer, Paty Barbosa, que se sentia entediada com a Indústria da Moda. E não há expressão mais autoral para dar identidade a uma marca do que a expressão em inglês, “By My Hands”, na tradução, “Feito pelas minas mãos”. A expressão foi escolhida em inglês em função de ser uma marca que fez o caminho inverso da ordem natural das coisas. Mas, como assim? A fundadora e estilista da marca, morou em algumas regiões do mundo, em específico o Oriente Médio e Sudeste…

  • Fashion,  Fashion Business

    Branding na Moda

    Branding na tradução literal da palavra significa gestão de marca. E em que consiste uma boa gestão? Quando se pensa em marcas famosas dentro do cenário fashion tais como, Chanel, Dior, Gucci, Prada e várias outras, pergunta-se: O que faz com que essas marcas sejam símbolos históricos e referências para todas as outras pequenas, médias e grandes empresas que existem e/ou surgem a cada dia?! Todos esses exemplos citados possuem posicionamento de mercado e valores subjetivos na mente e percepção do consumidor. Essas marcas representam luxo, poder, status, qualidade e por mais antigas que sejam, não deixam de se adaptar ao comportamento atual da sociedade, ou seja, estão atentas às…

  • Fashionsumerism

    Saiba sobre a relação entre Direito e Moda

    À primeira vista, parecem dois assuntos completamente divergentes: Moda & Direito. Mas, o que uma coisa tem a ver com a outra? O “Fashion Law”, ou na tradução literal, Direito da Moda é a área do direito à envolver de modo amplo o Designer e a criação dos estilistas, incluindo absolutamente tudo que envolva o vestuário e objetos correlatos, tendo como destaque principal o universo da Moda. Apesar de pouco conhecido, ainda, no Brasil, nos EUA e Europa o Fashion Law é bastante atuante. Na verdade, trata-se de uma área jurídica que engloba o Direito autoral e o do consumidor; o concorrencial e o trabalhista; o digital e o tributário…

  • Fashionsumerism

    Sweatshops: Antes do Glamour, vem o suor

    Adotadas por inúmeras marcas de roupas Ocidentais que comercializam no formato de departamentos, as sweatshops, ou na tradução literal, lojas de suor, são facções ou fábricas, onde os trabalhadores manuais são empregados com salários extremamente baixos por longas horas sob condições precárias e muitos riscos para a saúde. Ou seja, sem dignidade, segurança e direitos trabalhistas resguardados. A tragédia do Edifício Rana Plaza, em Bangladesh (polo de exploração de mão de obra da indústria têxtil ocidental) no ano de 2013, demonstrou o completo descaso da Moda Ocidental com os trabalhadores das sweatshops, principalmente no Oriente. Um edifício, já condenado, que continha inúmeras facções da Indústria da Moda Ocidental desabou matando…

  • Fashionsumerism

    Indústria 4.0: A Revolução Tecnológica na Moda

    Sendo a moda um espelho da sociedade, não há como ignorar a fusão entre a mesma e a tecnologia, em tempos de futurismo e de novas necessidades consumeristas. E com tanta novidade surgindo de forma muito acelerada, surge uma nova expressão no mercado que tem gerado controvérsias: A Indústria 4.0. Trata-se de uma Quarta Revolução Industrial que facilita a execução de coisas através de “Fábricas Inteligentes”, ou seja, trata-se da informatização e robotização da manufatura. Mas, como a Indústria da Moda tem se expressado sobre o futuro? As Impressões 3D, sketches feitos por robôs, tecidos que se ajustam conforme temperatura e movimento do corpo, informatização de modelagens e outras formas…

  • Fashion Law

    Liberdade de expressão x Crimes de ódio

    A era das redes sociais está ganhando cada vez mais força no cenário mercadológico, e com ela uma série de questões e problemáticas têm surgido. Antigamente, era mais comum se deparar com perfis “privados”, onde apenas quem era “amigo” de alguém nas plataformas sociais tinha o direito de ver e acessar os conteúdos postados. Atualmente, compartilhar a vida, hábitos, atividades diárias e o famoso lifestyle se tornou totalmente comercial, além de ser uma forma de propagar opiniões, disseminar informações e conteúdos dos mais variados tipos. A quantidade de perfis públicos nas mídias, de marcas e influenciadores digitais têm aumentado a cada dia, e estes normalmente são os mais propensos a…