Fashion Business

Da web 4.0 para a Moda

O que é Web 1.0, 2.0, 3.0 e 4.0?
Provavelmente você já escutou ou leu algo relacionado a essas “pontuações” da internet, certo?
Principalmente se for da área de comunicação e tecnologia da informação.
De forma resumida, essas evoluções da web são progressos que ocorreram e ocorrem ao longo dos anos envolvendo nossa interação e facilidades proporcionadas pelo desenvolvimento tecnológico de softwares, engenharia e computação.

annie-spratt-176308
De um início com páginas estáticas para web, chat, blogs e redes sociais, para um futuro que inevitavelmente será dominado cada vez mais pela inovação, hoje quem estiver fora desse meio poderá ser facilmente descartado, ou nem mesmo chegar a ser cogitado.
E na Moda não é diferente, principalmente por ser um setor que evolui diariamente em busca de novidades nos mais variados sentidos.

sebastian-pociecha-373358
Trabalhar com o setor fashion já envolve a tecnologia há algum tempo, e vem se intensificando cada vez mais através de um novo comportamento de mercado que está ganhando força, como descobrir novos métodos sustentáveis de produção, novas máquinas e novos meios de comunicação com o consumidor.
Um exemplo de junção do online e offline, é a Amaro, que criou lojas em shoppings para que o consumidor tivesse uma experiência com o produto antes de adquiri-lo, porém a compra continua via internet.
Ao mesmo tempo que essa postura demonstra a identificação de que o consumidor ainda quer ter o contato físico com a peça de roupa, também valida a praticidade do online e de você não precisar carregar sacolas ao sair da loja.
Já pensaram nisso?

catalog-banner-newin_20180208183434(foto site: Amaro https://amaro.com/)

Falar também sobre tecidos tecnológicos já não é nenhuma novidade a esse ponto, onde tantas marcas estão investindo em deixar a roupa cada vez mais versátil e confortável para o cliente, mas já pensou em ter produtos cada vez mais personalizados proporcionados pela tecnologia?
Sabe aquela história de fazer cada um se sentir único e facilitar descobertas pessoais?! Com a era da chamada web 4.0, isso será transferido também para a “Moda 4.0”, proporcionando experiências cada vez mais pessoais, deixando de lado a era do “tédio em massa”.

benjamin-balazs-106653

E para quem ainda não tem ideia do que fazer com a tecnologia na Moda, resolvi dar algumas dicas:

  1. Primeiramente, tenha uma rede social e conecte-se com o mundo.
  2. Trabalhe o posicionamento pessoal e profissional da sua marca/negócio online.
  3. Crie experiências ao seu cliente inicialmente proporcionadas online, mas sentidas offline.
  4. Pesquise novas matérias-primas, cortes e métodos de produção.
  5. Se você é um fotógrafo, tenha uma boa câmera; Se você é um influenciador digital tenha um conteúdo de qualidade (e isso envolve fotografia, informações relevantes e profissionalismo); se você é um social media, esteja atento sempre a novas estratégias de divulgação online.
  6. Por fim, saia da sua zona de conforto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *