Fashionsumerism

Fashion Revolution – O ativismo de cada dia

É impressionante a capacidade de coisas maravilhosas surgirem de tragédias. Aliás, é triste que isso tenha que acontecer para que coisas lindas surjam, como este movimento global incrível chamado, Fashion Revolution.

Em 2013, em Bangladesh, centro de exploração das Lojas de Departamento Ocidentais, um edifício, chamado Rana Plaza, já condenado por suas péssimas condições, desabou. E nele, haviam inúmeras facções de marcas famosas e nelas inúmeros trabalhadores em condições deploráveis de trabalho, sendo explorados em condições análogas à escravos. O resultado?

Mais de 1.100 mortos e 2.500 feridos. Todos trabalhadores que confeccionavam as roupas que nós, Ocidentais vestimos. E o movimento surgiu para dizer um basta reunindo ativistas, designers, marcas e simpatizantes de uma moda com Propósito.

Hoje, presente em 100 países, o Fashion Revolution desenvolve ações mobilizadoras e incentiva os consumidores à questionarem suas marcas favoritas, convidando-os à simples, porém poderosa reflexão: #quemfezminhasroupas?

O movimento é global e incentiva maior transparência, sustentabilidade e ética na indústria da Moda. Queremos unir as pessoas e impulsionar a revolução para mudar radicalmente como as roupas são produzidas e consumidas, para que elas sejam feitas de maneira segura, limpa e justa, através de conscientização, mobilização e educação.

O dia 24 de abril ficou marcado como o Fashion Revolution Day e a celebração se estende durante a Semana Fashion Revolution que este ano acontecerá de 22 a 28 de abril em todos os países participantes.

Estamos na luta desde 2015 com a Marca By My Hands em lugares como Indonésia, França e Oriente Médio e atuando desde 2017 no Vale do Aço. Para interessados em voluntariar na região do Vale do Aço, basta escrever para a representante local, Paty Barbosa: patricia@bymyhandsfashion.com.

Para mais informações sobre o movimento:
• @fash_rev_brasil
• @fash_rev
www.fashionrevolution.org

Tempo de revolução na Moda! Junte-se a nós!

Por: Paty Barbosa
Fashion Lawyer, Designer de Moda, Empresária, Ativista pelo Fashion Revolution, Articulista e praticante do Upcycling por sua marca de roupas @bymyhandsfashion.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *